Como anda a coleta seletiva em sua cidade?

Foto Pixabay 2017

A Lei nº 12.305/10, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) foi a responsável pela exigência de planos de gerenciamento de resíduos sólidos em todas as cidades brasileiras. Ela criou metas, obrigações e responsabilidades sobre o destino de resíduos sólidos em todo o território nacional. Apesar dos avanços proporcionados por esta política, sabe-se que as cidades tem muito que avançar nessa temática.

O que é coleta seletiva?

A coleta seletiva é um dos itens obrigatórios nos planos de gerenciamento de resíduos sólidos dos municípios e é definido como “coleta diferenciada de resíduos que foram previamente separados segundo a sua constituição ou composição. Ou seja, resíduos com características similares são selecionados pelo gerador (que pode ser o cidadão, uma empresa ou outra instituição) e disponibilizados para a coleta separadamente.” (Brasil, 2017).

E o que você tem a ver com isso?

Queremos saber sua opinião sobre a coleta de lixo em sua cidade. Como está funcionando a coleta seletiva? O que você acha que pode melhorar?

Este questionário faz parte de um projeto escolar elaborado por Bruna Elisa (Curso de Turismo e Meio Ambiente da Unespar).
Em caso de sugestões ou críticas por favor, fale conosco contato@trilhaselugares.com

Conta pra gente, o que você achou?

Acadêmica de Turismo e Meio Ambiente - UNESPAR - Campo Mourão.