Festa do Rocio alcançou os objetivos: evangelizar e divulgar a cidade

Santuário visto da capela

Na tarde desta terça-feira, 28, no salão pastoral do Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio, os responsáveis pela organização da Festa em Louvor à Nossa Senhora do Rocio de 2017, o administrador Adan Silva, o empresário Milton Costa e o missionário Joaquim Parron receberam para uma coletiva, jornais, rádios e a TV local para apresentar o resumo dos resultados financeiros, fazer uma avaliação do evento, responder perguntas e receber sugestões.

Milton Costa, organizador da parte social da festa, começou mostrando os valores de arrecadação e o lucro obtido pelo aluguel dos espaços, venda de camisetas, das cartelas do sorteio de prêmios, dos almoços, bebidas e outros itens. Demonstrou que o custo da infraestrutura da festa, em torno de R$700 mil, foi um valor investido pelo Santuário nas empresas da cidade, “os empregos gerados direta e indiretamente durante a festa, movimentaram a economia local e os resultados melhoraram em comparação com o ano anterior, apesar da crise econômica”, disse ele.

“A avaliação que faço é que estamos no caminho certo. No próximo ano, se a equipe antecipar e melhorar o planejamento, a captação de patrocínio, a busca de parcerias e a divulgação, podemos fazer da Festa da Padroeira, um evento maior e ainda melhor para Paranaguá”, avaliou o empresário.

Os organizadores, em conjunto, fizeram questão de agradecer de forma especial a imprensa local que apoiou e divulgou o evento, tendo buscado informações, fazendo coberturas ao vivo e ampliando através das redes sociais. “Sem vocês, as informações não chegariam a tempo no grande público, uma vez que assumi em julho e demorou para fecharmos o planejamento da festa”, disse o reitor do Santuário, missionário redentorista, Padre Joaquim Parron.

Padre Parron, afirmou que o saldo financeiro da festa tem muita importância para a manutenção da igreja, mas enquanto Santuário Mariano, o mais importante foi evangelizar, “sentimos a ação de Deus na realização das belas procissões, das novenas, principalmente a da madrugada, nas missas diárias e nas especiais. Nossa alegria foi acompanhar a participação da população da cidade que a cada ano demonstra mais amor e devoção à Mâe do Rocio, mostram que tem orgulho de serem os guardiões deste Santuário, a casa da Padroeira do Paraná!”

Texto e fotos: Giolete Babinski Mtb10409/ Equipe de Comunicação do Santuário Estadual de Nsra do Rocio
Conta pra gente, o que você achou?

Conta pra gente, o que você achou? ;-)